Ouvidoria Geral do Estado promove série de reuniões com ouvidorias setoriais

Acessar fotos
17/10/2022

A Ouvidoria Geral do Estado realizou durante os últimos dias uma série de reuniões com as ouvidorias setoriais do Poder Executivo. A ideia primordial dos encontros foi aproximar as ouvidorias como um todo e entender anseios, dificuldades, realidades, tirar dúvidas e fortalecer a comunicação entre elas. 

Ao todo foram realizados seis encontros com a participação de 35 ouvidorias dos diversos órgãos e entidades estaduais ao longo do mês de setembro e primeira quinzena de outubro. 

“Essas reuniões vão servir para atualizar nossos conhecimentos de ouvidorias, receber as demandas das ouvidorias setoriais, no sentido de poder melhorar nossa prestação de serviço público”, afirmou o ouvidor-geral do Estado, Daniel Barros. “Também buscamos apresentar o funcionamento do Sistema e-OUV para tentar aprimorar o preenchimento das reclamações, dúvidas e sugestões recebidas pela Ouvidoria e durante essa conversa recebemos um feedback para que o planejamento seja feito da melhor forma possível”.

De acordo com o que foi discutido nas reuniões, a OGE fez o levantamento das dificuldades mais comumente observadas dentro dos sistemas e-OUV e e-SIC na hora do tratamento das demandas e tentativa de unificar entendimentos e padrões de respostas apresentados.

“Nesse momento de integração com as ouvidorias setoriais, tiramos dúvidas, recebemos sugestões e entendemos a realidade de cada uma. Alguns pontos levantados já começamos a estudar, como mudanças nos sistemas a fim de tornar a usabilidade deles mais fácil e célere”, completou Ariella Faro, assessora da OGE.

Por outro lado, o encontro serviu como retomada de uma experiência e foi bastante elogiado por todos os participantes. 

“Entrei na ouvidoria em 2019 e estava sentindo falta desses encontros presenciais, que a gente tinha periodicamente para trocar experiências com os outros órgãos, dúvidas do sistema, legislação atualizada. Foi muito bom conversar agora com a implantação da LGPD, que mudou muita coisa nas ouvidorias”, concluiu Anna Abreu, ouvidora da Secretaria de Articulação Política. 

Participaram da série de reuniões, as Ouvidorias dos seguintes órgãos: Agência de Pesquisa Agropecuária- AGERP; Agência Estadual de Defesa Agropecuária - AGED; Casa Civil - CC; Companhia de Saneamento Ambiental - CAEMA; Companhia Maranhense de Gás - GASMAR; Departamento Estadual de Trânsito - DETRAN; Empresa Maranhense de Administração Portuária - EMAP; Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares - EMSERH; Escola de Governo - EGMA; Fundação da Criança e do Adolescente – FUNAC; Instituto de Estudos Socioeconômicos - IMESC; Instituto de Metrologia - INMEQ; Instituto de Previdência do Estado – IPREV; Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão-PROCON/MA; Junta Comercial do Maranhão - JUCEMA; Maranhão Parcerias - MAPA; Procuradoria-Geral do Estado - PGE; Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação - SECTI; Secretaria da Cultura – SECMA; Secretaria da Fazenda - SEFAZ; Secretaria de Administração Penitenciária - SEAP; Secretaria de Articulação Política- SECAP; Secretaria de Desenvolvimento Social - SEDES; Secretaria de Educação - SEDUC; Secretaria de Estado da Agricultura Familiar - SAF; Secretaria de Estado das Cidades - SECID; Secretaria de Estado de Esporte e Lazer - SEDEL; Secretaria de Estado de Governo - SEGOV; Secretaria de Estado de Indústria e Comércio - SEINC; Secretaria de Estado de Turismo – SETUR; Secretaria de Estado do Direitos Humanos - SEDIHPOP; Secretaria de Gestão, Patrimônio e Assistência - SEGEP; Secretaria de Infraestrutura - SINFRA; Secretaria de Planejamento e Orçamento - SEPLAN, Secretaria de Segurança Pública – SSP e Universidade Estadual do Maranhão - UEMA.